Como ser motorista de Uber: dicas para renda extra

Todo mundo quer tirar um dinheiro a mais para ajudar a fechar o mês, né? Essa é a realidade de grande parte dos brasileiros atualmente. E para ajudar a conseguir aquela rendinha extra e terminar o mês no azul, opção é o que não falta: e uma delas é ser motorista de uber.

Anúncios

Se tem um bom olho para fotografia, pode realizar ensaios fotográficos nas horas vagas. Tem um guarda-roupa cheio? Então que tal vender algumas peças on-line?

Essas são só algumas das opções disponíveis para quem tem um trabalho fixo e quer ter um dinheiro a mais com outras atividades. Outra fonte de renda secundária que se popularizou muito nos últimos anos foi a categoria de motorista de aplicativos, como Uber e 99. Mas será que vale a pena seguir esse caminho? O retorno financeiro é interessante?

No conteúdo de hoje, vamos te mostrar as vantagens de se tornar motorista de Uber e o passo a passo para você se tornar um!

Esse texto abordará os seguintes tópicos:

  • O que é Uber?
  • Como funciona?
  • Quais as categorias de Uber?
  • Quais os requisitos necessários para se cadastrar?
  • Quais as vantagens de ser um motorista de Uber?
  • Quanto posso ganhar?
  • Vale mesmo a pena ser um motorista de aplicativo?

O que é Uber?

Considerando o tempo de atuação da empresa aqui no Brasil e a popularização do serviço, é difícil encontrar quem não conheça a Uber. Presente na vida dos brasileiros desde 2014, a Uber é uma empresa de transporte privado por aplicativo.

Chegando inicialmente nas capitais e grandes centros urbanos, a proposta de oferecer mais facilidade e praticidade – com um preço bastante convidativo – para o usuário na hora de se locomover fez com que a Uber se popularizasse, permitindo que o serviço chegasse rapidamente em milhares de cidades brasileiras.

Como funciona?

O usuário abre o aplicativo e coloca o endereço para onde deseja ir.

O aplicativo inicia a busca por motoristas próximos e que possam realizar a corrida.

Ao se conectar com o motorista, o usuário tem acesso ao nome, placa e modelo do carro que o motorista selecionado está dirigindo, além de conseguir acompanhar o trajeto em tempo real pelo aplicativo.

Após o motorista encontrar o usuário no local indicado, a corrida até o destino final começa.

Após o desembarque, motorista e passageiro se avaliam pelo aplicativo através de uma classificação de 1 até 5 estrelas.

Apesar de oferecer a opção de pagamento em dinheiro, o pagamento da grande maioria das corridas é realizado diretamente pelo aplicativo, garantindo mais segurança para o usuário e o motorista.

IMPORTANTE: As avaliações são de extrema importância para a rotina de trabalho do motorista. O ideal é manter a média de avaliação sempre alta. Motoristas bem avaliados tendem a ser indicados para corridas melhores/mais lucrativas, enquanto motoristas com média abaixo de 4,6 podem ser suspensos – ou até mesmo banidos – do aplicativo.

E o mesmo pode acontecer com passageiros mal avaliados por vários motoristas.

Quais as categorias de Uber?

Hoje em dia, os serviços oferecidos pela Uber são divididos em diversas subcategorias. Isso facilita a escolha e ajuda a atender melhor a demanda dos usuários. As principais categorias são:

UberX: viagens com preços mais acessíveis, ideais para o dia-a-dia.
Uber Pool/Juntos: viagens compartilhadas para usuários com destinos semelhantes.
Uber Confort: viagens em carros mais novos, oferecendo uma experiência premium para o passageiro.
Uber Flash: ideal para quem precisa enviar artigos/itens pessoais sem sair de casa.

Quais os requisitos necessários para se cadastrar?

Priorizando a segurança de quem utiliza o serviço, são exigidos alguns documentos para a realização do cadastro de motorista, como:

  • CNH (Carteira Nacional de Habilitação com a observação EAR (Exerce Atividade Remunerada),
  • Atestado de Antecedentes – Secretaria Estadual
  • Certificado de Registro e Licenciamento de Veículos (CRLV)

Após a aprovação da documentação, a equipe entrará em contato com você. Em seguida, você já estará liberado para realizar corridas e ganhar a sua grana extra.

Para entender melhor o procedimento, acesse o site da Uber.

Quais as vantagens de ser um motorista de Uber?

Defina seus próprios horários e sua rotina de trabalho

Um dos grandes atrativos da categoria é a liberdade. Diferente de um emprego convencional – com chefe e carga horária fixa – o motorista da Uber é o responsável pelo seu próprio horário, podendo iniciar e encerrar sua rotina de trabalho quando achar melhor!

Ganha dinheiro a qualquer hora e em qualquer lugar

A liberdade na definição da carga horária de trabalho também permite que você possa trabalhar onde e quando quiser. Por exemplo: ao realizar uma corrida de Osasco/SP até São Paulo, o motorista pode optar por passar o dia realizando corridas na capital paulista – onde o fluxo de passageiros não para – e retornar para sua casa quando achar melhor.

Quanto posso ganhar?

Esse é um fator que pode variar bastante. A carga horária e o tamanho da cidade em que você trabalha são dois fatores importantes no resultado final. Um motorista que trabalha 8 horas por dia, de segunda até sexta-feira em uma grandes centros urbanos (como são Paulo ou Rio de Janeiro) tendem a ganhar mais dinheiro.

De acordo com a Uber, os motoristas ganham, em média, R$ 20,00 por hora trabalhada e o pagamento costuma ser realizado semanalmente.

Como boa parcela dos motoristas de Uber realizam as corridas em suas horas vagas como uma forma de obter renda extra, esse valor faz a diferença no orçamento no final do mês.

Uma dica bastante importante para quem quer começar a realizar corridas nas horas vagas é se atentar aos horários de pico, onde a procura por motoristas de aplicativo é maior. Dá uma olhada:

Segunda à quinta-feira: das 7h às 9h, 12h às 13h e 17h às 19h.
Sexta-feira: das 7h às 9h, 12h às 13h e a partir das 17h.
Sábado: das 12h às 13h e a partir das 17h.
Domingo: o dia todo. Dê preferência ao período da manhã e noite.

Outra tática muito utilizada pelos motoristas é estar sempre próximos das regiões centrais, áreas comerciais (como shoppings e centros de compras) e shows/eventos da sua cidade, já que o fluxo de passageiros costuma ser maior nessas localidades.

Vale mesmo a pena ser um motorista de aplicativo?

Não é difícil encontrar motoristas que começaram a trabalhar com a Uber nas horas vagas para garantir uma segunda renda, e, depois de um tempo, perceberam que o lucro como motorista de aplicativo é maior que a sua renda principal. Esse pode ser um caminho muito interessante para quem tem tempo livre e quer fazer aquela graninha extra!

Gostou do conteúdo?

Aproveite para ler também “Renda extra para aposentados: 15 ideias para começar agora!”

Trends