A síndrome do impostor e como lidar com esse problema no trabalho

A síndrome do impostor é um fenômeno que pode afetar muitas pessoas no ambiente de trabalho, até mesmo profissionais altamente competentes e que têm sucesso profissional.

Anúncios

Por isso hoje iremos falar sobre a síndrome do impostor, suas causas e como superar esse problema.

a síndrome do impostor

O que é síndrome do impostor

A síndrome do impostor é reconhecida como um distúrbio psicológico que atinge pessoas em várias áreas de atuação.

Em um âmbito profissional, a síndrome normalmente atinge pessoas que são altamente qualificadas para seus cargos, mas têm dificuldades em reconhecer isso.

Sendo assim, esses profissionais que possuem síndrome do impostor não se reconhecem como merecedores de suas conquistas profissionais e por muitas vezes até pessoais.

Uma vez que não acreditam que tal conquista tenha sido fruto do seu esforço ou capacidade, mas sim de outros fatores, como ajuda de outras pessoas ou até mesmo sorte.

Por isso quem sofre da síndrome do impostor vive em um constante misto de sentimentos, assim como insegurança, autoestima baixa, perfeccionismo, sentimento de inferioridade e apreensão por acreditar ser uma fraude diante das conquistas.

Além disso entre os principais sintomas que indicam a síndrome do impostor estão:

Autodepreciação

Que é desencadeada por conta de se auto cobrar tanto e por uma busca incessante de agradar a todos;

Sentimento de não pertencimento

Pois pensam nunca merecer estar onde estão, levando até mesmo ao afastamento de grupos;

Procrastinação

A procrastinação nesse caso se dá por conta do perfeccionismo, uma vez que o profissional vive com medo de ser criticado ele cria o hábito de adiar tarefas;

Autossabotagem

Desencadeada por conta da insegurança criam mecanismos que o possibilitem fugir de experiências que não se sentem confortáveis em fazer parte ou executar.

Ingratidão e a síndrome do impostor

Que acontece por não acreditar que pode ser boa em algo, a pessoa que sofre com síndrome do impostor tem dificuldades em aceitar que outras pessoas vejam suas qualidades, por isso não consegue aceitar um elogio.

Autocrítica

Nesse caso em excesso, pois a síndrome leva a pessoa a críticas de punição em tudo o que faz, perdendo completamente a capacidade de usar os erros como um aprendizado.

Medo de exposição

Esse medo surge por receio de julgamentos a pessoa que sofre com a síndrome busca sempre evitar exposições e passar despercebida.

Comparação

É um dos principais sintomas de quem sofre síndrome do impostor, pois é praticamente uma regra que a pessoa enxergue apenas as boas qualidades dos outros e nunca as suas. E isso o coloca e uma constante busca por uma perfeição que não existe.

Causas da síndrome do impostor

As causas que levam ao desenvolvimento da síndrome do impostor podem ser várias, como criação familiar, experiências vividas e pressões sociais.

Tudo isso pode ter relação e contribuição para um trauma e a formação de um indivíduo auto crítico e perfeccionista marcado pela insegurança e cobrança excessiva.

E isso tudo em conjunto com uma tendência de autossabotagem já pré-disposta ao indivíduo, pode causar a síndrome do impostor.

Como lidar com a síndrome do impostor?

Caso você tenha identificado alguns desses sintomas ou até mesmo já tenha identificado que sofre da síndrome, temos algumas dicas práticas que podem te ajudar a lidar com ela.

  • Liste coisas positivas sobre você, como por exemplo habilidades e realizações, mesmo que pequenas elas têm valor;
  • Busque feedbacks com pessoas que você gosta e respeita, com isso saberá que serão sinceros e te ajudarão a enxergar seus esforços;
  • Evite comparações com outras pessoas;
  • Busque aceitar, assumir e utilizar seus erros como forma de aprendizado e não de fracasso;
  • Aprenda a receber elogios, cada conquista vale muito;
  • Perca a vergonha de pedir conselhos e ajuda, isso só ajudará no seu desenvolvimento.

A síndrome do impostor no ambiente de trabalho

Por incrível que pareça, a síndrome do impostor normalmente atinge pessoas muito competentes naquilo que se comprometem a fazer.

E isso pode provocar um grande impacto negativo no ambiente de trabalho, pois a insegurança transmitida aos colegas de trabalho pode levar a desmotivação de toda uma equipe.

Sendo assim, esteja atento aos principais prejuízos que a síndrome do impostor pode levar ao trabalho:

  • Perda de oportunidades

Um cargo de liderança e novos desafios tem como consequência o aumento de responsabilidades.

E pessoas que sofrem com essa síndrome evitam enfrentar essas situações por medo de não conseguirem cumprir com as expectativas da equipe, e consequentemente perdem oportunidades.

  • Sobrecarga

Se você sofre com a síndrome do impostor provavelmente tem dificuldade em negar as coisas solicitadas.

E isso por muitas vezes gera uma sobrecarga, já que precisa mostrar que dará conta de fazer tudo o que lhe for pedido caso contrário será visto como incapaz.

Desta maneira, as prioridades são deixadas de lado já que você se disponibiliza a fazer até o que sabe que não dará tempo de entregar.

  • Baixa produtividade

Com dificuldade em organizar tarefas devido a sobrecarga, o profissional que possui a síndrome se vê com um acumulo de tarefas e em consequência apresentará uma baixa produtividade.

  • Constante insatisfação  

Por conta do perfeccionismo, o profissional nunca está satisfeito com suas conquistas.

E está sempre com a sensação de que poderia ter feito mais ou melhor.

  • Esgotamento mental

Em determinados casos, quando a síndrome do impostor não é diagnosticada e tratada de maneira correta, ela pode evoluir para um quadro mais grave.

Ou seja, a síndrome não tratada adequadamente pode levar a um esgotamento mental e até mesmo a depressão.  

Ajuda profissional

Por isso, caso você tenha identificado alguns dos sintomas e esteja com dificuldades em lidar com eles, é sempre importante buscar ajuda de um profissional.

Algumas empresas já possuem até profissionais que podem auxiliar no diagnóstico e tratamento da síndrome do impostor.

Então não deixe de buscar ajuda caso perceba alguns dos sintomas antes que eles possam se agravar.

Conclusão

Como podemos ver, é de grande importância que a síndrome do impostor seja diagnosticada e tratada com atenção, uma vez que ela pode trazer impactos negativos para a vida profissional e pessoal.

Por isso, no caso de identificar as características e sintomas não deixe de buscar atendimento especializado e não autossabote sua saúde mental.

Lembre-se sempre que um bom profissional busca estar em constante evolução e desenvolvimento, então dê valor as suas conquistas!