Como usar uma citação na redação: saiba como e quando usar!

Saber usar uma citação na redação é uma das maiores preocupações dos vestibulandos que desejam obter boas notas nessa fase do processo.

Anúncios

Isso porque, muitos profissionais da área garantem que a citação é um importante elemento para enriquecer o texto, trazendo autoridade à argumentação. Mas, será que basta sair colocando frases de efeito na redação?

A seguir conversaremos brevemente sobre isso, a fim de te ensinar a usar esse recurso e assim tornar os textos mais ricos e interessantes. Se é disso que precisa, confira o conteúdo abaixo!

Usar uma citação na redação enriquece a sua dissertação: será?

É muito provável que você já tenha visto inúmeros vídeos na internet falando sobre a importância de usar uma citação na redação.

Alguns profissionais da área garantem até que esse é o verdadeiro segredo para encher os olhos dos avaliadores e assim obter uma boa nota. Mas, será que é verdade?

De fato a citação é um importante elemento para trazer autoridade à argumentação, pois demonstra que você está baseando a sua dissertação em ideias advindas de personalidades importantes.

Além disso, a citação demonstra que você possui uma bagagem cultural adequada, uma vez que se recorda de frases e ideias de pessoas importantes para o contexto.

Mas, devemos lembrar que isso só é útil quando entendemos qual o papel da citação em um texto, afinal de contas, ela não pode servir de base para a sua argumentação, e nem ocupar a folha inteira.

Lembre-se que o avaliador não está interessado no ponto de Oprah em dizer que “uma rainha não tem medo de falhar. O fracasso é mais um degrau para a grandeza”, afinal de contas, provavelmente ele já conhece o contexto em que ela disse isso. A ideia central é entender de que forma isso se conecta com a sua argumentação.

Por isso, a citação deve ser usada com cautela, a fim de apenas fornecer suporte ao ponto central da sua redação, que deve ser defendido por você, e não pelas personalidades citadas.

Em quais ocasiões é indicado usar uma citação na redação?

Neste momento você já entende que ao usar uma citação na redação você traz valor cultural ao seu texto.

Por isso, é indicado usar a citação sempre que você desejar oferecer elementos adicionais ao entendimento da sua argumentação.

Por exemplo, consideremos o seguinte trecho:

A gratidão pela vida nos possibilita evitar desafios mentais pela ausência de aceitação da própria realidade, pois, como diria Zeca Pagodinho em sua canção Deixa a Vida Me Levar “se a coisa não sai do jeito que eu quero, também não me desespero, o melhor é deixar rolar, e aos trancos e barrancos lá vou eu, e sou feliz e agradeço por tudo que Deus me deu”.

Perceba que no exemplo, a citação da canção de Zeca Pagodinho serviu apenas para contextualizar e exemplificar a ideia trazida pelo dissertador.

Esse é um bom exemplo de como a citação deve ser usada na redação, pois o foco não está na ideia do citado, e sim na dissertação do autor do texto.

Vale dizer que a citação deve, obrigatoriamente, ter relação com a dissertação. Então, de nada adianta colocar diversas frases de efeito apenas para encher as linhas da folha.

Dicas para usar uma citação na redação 

Neste momento você já entende que pode usar uma citação na redação para trazer valorização à ideia que pretende defender com o seu texto.

Mas, se deseja aplicar essa estratégia de forma mais assertiva, confira a seguir dicas importantes:

1. Evite exageros 

Muitos levam ao pé da letra a ideia de que usar uma citação na redação é essencial, e acabam construindo um texto repleto de citações.

Perceba que esse tipo de texto é até desconfortável de ler, pois você precisa ficar caçando, em meio às menções, qual a ideia que o autor pretende passar.

Por isso, evite usar uma citação por parágrafo, e avalie se essa menção realmente traz valor ao seu texto, ou poderia ser dispensada.

Em geral, a recomendação é que num texto de 30 linhas tenha até 2 citações, pois assim fica mais fácil contextualizar a ideia central da redação.

++Como escolher uma pós-graduação: fatores que devem ser avaliados (oadministrador.com).

2. Use a citação para sustentar suas ideias, e não o contrário 

Já falamos sobre isso, mas, vale relembrar: é muito importante que você entenda qual o papel das citações em uma redação.

Muitos dissertadores acabam assumindo o papel de comentadores, e ficam apenas tecendo comentários acerca das frases citadas.

Isso não é recomendado e pode empobrecer a sua redação, já que o avaliador considerará a argumentação fraca. 

3. Lembre-se de indicar que se trata de uma citação na redação 

Devemos nos lembrar que uma citação é um tipo de menção à ideia de outra pessoa, de modo que colocá-la num texto sem a indicação correta pode configurar plágio.

Quem disse a frase “mas é claro que o Sol vai voltar amanhã” foi Renato Russo, na canção Mais Uma Vez, e não você, então, colocá-la na sua redação sem a menção correta pode transparecer que você tentou argumentar usando a ideia de outra pessoa.

Então, sempre use as aspas antes e após a frase da citação, e lembre-se de mencionar o autor, e se possível, a obra ou ocasião na qual a frase foi dita.

4. Evite citações genéricas

Existem citações que já estão bem “batidas”, de modo que os avaliadores já estão cansados de ler, ou até mesmo não servem para o propósito central, que é contextualizar a sua ideia.

Por exemplo: 

A cada dia as relações humanas têm se tornado distantes em virtude da falta de comunicação, pois como diria Antoine de Saint-Exupéry em O Pequeno Príncipe: “Só se vê bem com o coração, o essencial é invisível aos olhos”.

Note que a frase, embora seja clássica, não serve para contextualizar a argumentação trazida no início do parágrafo.

Então, para o avaliador, transparece que você apenas pegou uma frase famosa e tentou usar no seu texto, sem aplicá-la corretamente, já que a mesma está sem função.

Por isso, ao usar uma citação na redação, garanta que ela possui função e serve bem para a sua dissertação.

Isso pode te interessar: O que é fit cultural e o que deve ser avaliado neste teste?  – O Administrador.

Trends