Qual a importância da criatividade no trabalho? 5 dicas para desenvolvê-la  

Saber desenvolver a criatividade no trabalho é muito importante para o crescimento da empresa e pessoal também.

Anúncios

Você se considera uma pessoa criativa? Provavelmente, tem uma qualidade muito desejada pelos recrutadores. 

Até mesmo para quem tem o sonho de empreender, esse requisito pode fazer toda a diferença no processo.

No texto de hoje você descobrirá qual a importância da criatividade no trabalho e como desenvolvê-la com mais facilidade.

Neste texto você descobrirá:

  • O que é criatividade?
  • Qual a importância da criatividade no mercado de trabalho?
  • Dicas para ter mais criatividade no trabalho;
  • 1. Questione;
  • 2. Leia conteúdos sobre criatividade;
  • 3. Torne-se um especialista;
  • 4. Estimule a sua criatividade no trabalho;
  • 5. Permita-se errar;
  • 6. Conclusão.

O que é criatividade?

A criatividade é uma característica de uma pessoa criativa, sendo que, essa pessoa consegue criar e inovar com muita facilidade e frequência. 

As pessoas criativas estão sempre cheias de ideias e conseguem apresentar soluções para determinados problemas de uma maneira muito engenhosa.

Além disso, são inteligentes e possuem talentos natos ou adquiridos para criar, inventar e inovar, não importa o campo.

Uma organização é muito beneficiada com um profissional que sabe desenvolver a criatividade no trabalho. 

Qual a importância da criatividade no trabalho?

Certamente, a criatividade é uma característica muito importante para o sucesso do negócio. 

Principalmente para empreendedores. Isso porque, será necessário criar conteúdo para atrair o seu público, elaborar ações, inventar produtos, resolver problemas, então, sem uma boa mente criativa, isso não será possível. 

Numa organização, ter uma mente criativa no time também é essencial. Nesse ambiente, um profissional criativo é aquele que inova, cria e inventa soluções inteligentes para resolver os mais variados desafios da empresa.

Além da empresa se destacar, ela estará sempre à frente da concorrência. Sem contar que o ambiente organizacional também é beneficiado.

Isso porque, o tempo quebrando a cabeça procurando e testando soluções é diminuído, assim, o time fica menos estressado e desgastado.

A criatividade é uma vantagem competitiva em qualquer área de atuação. Um profissional com essa competência comportamental consegue otimizar resultados e resolver os problemas com muita eficiência. 

Mesmo que você não tenha esse talento nato, com algumas dicas, é possível desenvolver essa habilidade. Isso visto que, ela pode ser aprendida e exercitada diariamente.

A seguir, você encontrará algumas dicas que te ajudarão no seu processo criativo. Não interrompa sua leitura para não perder nenhum detalhe.

Dicas para ter mais criatividade no trabalho

Nada melhor do que uma competência muito valorizada que pode ser desenvolvida com prática e persistência. 

Entretanto, algumas pessoas podem ter resultados mais rápidos e melhores do que outras, todavia, vale muito a pena tentar, pois, trará benefícios de uma forma ou de outra.

Confira abaixo 5 dicas especiais para ter mais criatividade no trabalho.

1. Questione!

Segundo o maior mestre da arte do século XX, Pablo Picasso: “o maior inimigo da criatividade é o bom senso”. 

Para ser mais criativo você precisa aprender a questionar! Fazendo isso, encontrará a raiz do problema com mais facilidade e, em consequência disso, as soluções também.

Você precisa pensar diferente e fora da caixinha se quiser ser um profissional criativo. Não tenha medo de errar ou até mesmo de se expor. 

Arriscar-se é muito importante para conseguir identificar problemas. 

Termos como: Como? Por que? Por quê? O que é preciso? Devem sempre fazer parte da sua rotina!

2. Leia conteúdos sobre criatividade

A arte de ler é muito benéfica para quem deseja ser mais criativo. Isso porque essa prática é saudável para o cérebro, peça chave no processo criativo

Além disso, é indispensável que você absorva muito conteúdo sobre o assunto. Então, pesquise, leia, veja vídeos, casos e cases, opiniões de personagem importante, etc.

Todo o conteúdo relacionado a criatividade, em especial, criatividade no trabalho, te ajudará a ser mais criativo, desde que absorvido corretamente. 

Utilize a internet como ferramenta para adquirir mais conhecimento e reúna o máximo de informação possível, em diferentes modelos de mídias também. 

3. Torne-se um especialista

Como ser inovador em uma área que você não domina? As ideias podem até surgir, mas elas não se aplicam as necessidades da área, assim, não trará resultados eficazes. 

Antes de ser criativo em um campo, certamente, você precisa se tornar um especialista. Além disso, você precisa gostar do que faz.

Portanto, aprender a gostar de algo também é uma habilidade e com as práticas corretas, é possível.

Na criatividade também não é diferença, só a prática te fará alcançar os seus objetivos. Logo chegará um ponto em que ela fluirá naturalmente. 

No entanto, antes disso você precisa ser um especialista na área em que trabalha e conhecer muito bem o seu campo de atuação.

Isso pode ser adquirido com experiência, na prática, cursos técnicos, graduação, pós-graduação, etc.

4. Estimule a sua criatividade no trabalho

Essa etapa pode depender muito da sua equipe e liderança, mas é possível conseguir bons resultados estimulando sua criatividade no trabalho sozinho. 

Você pode começar resolvendo pequenos conflitos e desafios da empresa, se envolver nas tomadas de decisões e outras ações importantes para a empresa. 

É muito importante que você aprenda a se posicionar, ter mais ousadia. Saiba se expressar e não tenha medo de apresentar suas ideias. 

De nada adianta ter ótimas ideias e deixá-las se perder na cabeça até caírem no esquecimento.

Não tenha medo de falar, mesmo que para você pareça ridículo, a coragem é essencial para estimular a criatividade.

Ah! Você pode estimular sua criatividade em qualquer lugar, não apenas no trabalho, certo?

5. Permita-se errar

Parece clichê, mas é errando que se aprende. O medo de errar nos limita e nos impede de sairmos da nossa zona de conforto. 

No entanto, somos humanos e errar está em nosso DNA. Inclusive, vale destacar que muitas ideias e criações surgiram a partir de um erro ou acaso, por exemplo:

  • Post-it;
  • Micro-ondas;
  • Supercola;
  • Raio-X;
  • Penicilina.

Portanto, seja livre para errar! Essa é a única forma de aprender e acertar!

O medo de errar limita nosso processo criativo, mas é através dos erros que descobrimos onde erramos e tentamos outra vez, assim, é possível melhorar sempre.

Conclusão

Como pode ver, a criatividade no trabalho é importante em diferentes aspectos. Os perfis criativos são requisitados na maioria dos processos seletivos, aliás, ela é vista como um ponto forte.

Afinal, você sabe dizer quais são os seus pontos em uma entrevista de emprego? Leia o texto e descubra!

Como estamos falando de uma habilidade que pode ser adquirida com a prática, você pode seguir nossas dicas e ter um perfil profissional mais competitivo.