5 dicas de produtividade no trabalho para otimizar o seu tempo

Um assunto que ainda é tratado como um tabu na maioria das empresas é a questão da produtividade e a otimização de tempo. 

Anúncios

A gente sabe que uma má gestão do tempo de trabalho pode acabar prejudicando tanto o andamento do seu projeto, quanto atrapalhar também outros setores da empresa. 

Por isso, pensamos nesse conteúdo!

No texto de hoje, vamos explorar mais o tema e ainda dar dicas para quem quer produzir ainda mais no trabalho e otimizar o seu tempo!

O conteúdo de hoje será dividido em tópicos, seguindo os temas abaixo:

  • A importância da produtividade no trabalho
  • 5 dicas para ter mais produtividade no trabalho
  • Conclusão

A importância da produtividade no trabalho

Independente do área de atuação ou setor em que você trabalha, uma boa produtividade é algo que é visto com bons olhos por todos. 

Afinal, ela reflete a quantidade e qualidade do seu trabalho dentro da empresa. 

Um colaborador que possui uma boa produtividade quase sempre é o escolhido na hora de receber uma promoção ou aumento de salário.

Mas engana-se quem acha que a produtividade está ligada somente à quantidade. A qualidade das tarefas realizadas são tão importantes quanto a rapidez em que elas são realizadas. 

E a forma como você chega a esses resultados diz muito sobre o seu desempenho profissional.

5 dicas para ter mais produtividade no trabalho

Agora chegamos ao que realmente interessa. 

Se você – como milhões de brasileiros – precisa enfrentar o desafio que é otimizar o seu tempo e aumentar a sua produtividade no trabalho, aqui você irá encontrar o caminho!

Para te ajudar nessa missão, separamos 5 dicas essenciais para quem quer ter mais produtividade no seu dia a dia e otimizar o seu tempo no trabalho! Vamos lá?

Até que ponto produtividade não é indício de sobrecarga no trabalho?
CONTINUAR

Dê um chega pra lá nas distrações

Vamos começar por esse item que é, provavelmente, o inimigo número 1 da produtividade: as distrações. 

Pode ser qualquer tipo: aquela fuçada na timeline do Instagram, uma conversa que acabou se estendendo no WhatsApp, uma olhadinha como quem não quer nada nos vídeos do TikTok…

E quando você vai ver, a união dessas coisinhas pontuais tomaram uma boa parte do seu tempo!

Por isso, o ideal é que você deixe todos esses tipos de distrações em segundo plano enquanto você realiza suas tarefas de trabalho. 

Dessa forma, a sua produtividade não é prejudicada e você ainda consegue fazer uma melhor gestão do seu tempo e das suas demandas.

E como a gente sabe que ninguém é de ferro, utilize essas distrações como uma espécie de recompensa. 

Terminou uma tarefa importante? Dá uma pequena pausa de uns minutinhos para relaxar e se distrair um pouco antes de voltar ao trabalho. O que prejudica a sua produtividade é o excesso de pausas ao longo do dia.

Planeje a sua rotina semanal com antecedência

Planejamento. Essa é, sem sombra de dúvida, a peça chave para alcançar a produtividade que tanto buscamos.

Através de um bom planejamento, você conseguirá definir melhor – e com mais precisão – a sua rotina semanal.

O ideal é que você realize essa organização na sexta-feira – referente a semana seguinte. 

Dessa forma, você já tem tudo organizado já a partir do primeiro dia da semana e não precisa lidar com esse tipo de tarefa na segunda, o dia oficial da preguicinha, né? 

Nesse momento muita gente deve estar pensando: “Ah, mas e quanto aos imprevistos e demandas urgentes que surgem ao longo da semana?”

Sabemos que esse tipo de situação sempre surge. Afinal, independente da sua área de atuação, imprevistos podem surgir a qualquer momento. 

Mas quando você já tem um planejamento organizado referente aos compromissos da semana toda, fica muito mais fácil remanejar uma coisa aqui ou ali para encaixar esse tipo de demanda mais urgente, não é?

Então, se pararmos para analisar bem, um bom planejamento interfere positivamente até mesmo naquelas demandas surpresas que surgem de uma hora para a outra.

Comece a trabalhar com metas e prazos

Esse tópico tem conexão direta com o anterior. Trabalhar com metas e prazos é uma ótima maneira de conciliar todas as suas demandas e os seus compromissos. 

Para isso, a criação de um cronograma das tarefas que devem ser cumpridas e qual o tempo que você tem para realizá-la sem comprometer as suas outras atividades.

Gerencie melhor as suas demandas

Outra dica importantíssima para quem busca uma produtividade maior é o uso de listas para organizar melhor as suas demandas. 

Através dessas listas, você consegue classificar as suas atividades, sinalizando-as por ordem de prioridade ou até mesmo pelo nível de dificuldade que você terá em executá-las

Dessa maneira, você consegue se organizar para fazer as mais urgentes até as que não são, ou até mesmo iniciar fazendo as mais fáceis e deixar as mais complicadas para depois. 

Experimente ambos os estilos para descobrir qual se adequa mais a sua rotina de trabalho.

Dê a devida importância ao seu descanso

Eu sei que o papo é sobre aumentar a sua produtividade no trabalho, mas ninguém aqui quer conquistar um “burnout”, né?

Por último, mas não menos importante: não se esqueça de você!

Lembre-se que seu corpo não é uma máquina e, por mais que seja a vontade de muitos gestores, é impossível ser 100% produtivo o tempo todo sem prejudicar a sua saúde – seja física ou mental.

É importante sempre dar a devida importância ao seu descanso. Esse tempo é uma recompensa pelo seu esforço. 

Então use-o para fazer algo que te faz bem: pode ser assistir um filme ou série, dormir, passear com o seu cachorro, sair com amigos, ler, ouvir música, viajar, ou até mesmo fazer nada! Esse é o tempo que você tem para descansar a sua mente e o seu corpo antes de iniciar mais uma semana. 

Conclusão

Como deu para perceber, a organização é um dos principais fatores para quem quer aumentar a sua produtividade no trabalho. 

Com organização, você conseguirá ter tempo para resolver as pendências do seu cotidiano sem correria ou estresse, e ainda terá tempo para cuidar de você!

Gostou da leitura? Recomendamos que você leia também 3 indícios de sobrecarga no trabalho: saiba o que fazer para evitar.