Profissões do Futuro: 8 cargos inovadores para ficar de olho!

De antemão, conheça as profissões do futuro que estão ganhando espaço no mercado de trabalho.

Anúncios

O esperado é a expansão, ainda mais nos próximos anos com a evolução da tecnologia. Veja quais são, média salarial e requisitos necessários para ingressar.

De fato, as profissões do futuro são cargos profissionais os quais existem uma grande tendência de valorização nos dias a seguir.

Isso acontece por questões culturais e estilo de vida, que tem influência no comportamento da sociedade como um todo.

Se você está em busca do primeiro emprego ou recolocação profissional a dica é inovar e acompanhar a ciência. Logo, as carreiras apresentadas aqui são as propensões promissoras do momento.

Mas, o melhor de tudo isso é que muitas ocupações são bastante procuradas por grandes empresas. Assim como existe uma enorme carência de profissional capacitado para suprir essa demanda.

1 – Analista de Big Data: uma das profissões do futuro mais requisitadas ultimamente!

Em primeiro lugar, o cargo de Analista de Big Data é uma das profissões do futuro mais requisitadas por grandes corporações ultimamente.

Resumidamente, Big Data é um processo de análise e interpretação de volume de dados (em alta quantidade), armazenados remotamente.

Essa informações são agrupadas conforme o interesse da empresa, para ser usadas em estratégias de marketing, redução de custos e melhorias na jornada de compra do cliente.

Pois, dessa forma, os gestores conseguem entender quais são as tendências do mercado e o tipo de comportamento dos consumidores.

Sobretudo, a faixa salarial é bem vantajosa e está em torno de R$7.793,00. Além de ser uma área da tecnologia que tem gerado muitas oportunidades de trabalho.

O que é preciso para se tornar um Analista de Big Data?

Bom, se você tem interesse em ingressar nessa carreira, os profissionais mais procurados pelas empresas são acadêmicos de cursos ligados a tecnologia e exatas.

Como por exemplo: ciência da computação, análise de sistemas, estatísticas, economia e áreas correlacionadas.

2 – Especialista em experiência do cliente

Com razão, grande parte da economia gira em torno dos consumidores. Afinal, estamos vivendo na era do cliente, onde ele é o centro de todo o procedimento de vendas.

Em suma, a experiência do cliente é o conjunto de percepções que ele tem sobre uma empresa durante a sua jornada de compra.

Sendo assim, o profissional Especialista em Experiência do Cliente é responsável por pensar no layout e jornada de compra de uma pessoa dentro do site ou aplicativo. Bem como estudar o comportamento humano com relação aos serviços oferecido pelas organizações.

Em outras palavras, o objetivo do cargo é encontrar os caminhos e elaborar estratégias para aprimorar ao máximo a experiência do cliente, garantindo sempre a satisfação total.

De acordo com uma reportagem realizada pelo Jornal Hora Extra, a demanda por profissionais especializados nesse ramo aumentou 221%. Ainda, segundo o especialista entrevistado pelo site, falta mão de obra qualificada.

Ou seja, isso significa oportunidade e crescimento profissional, ainda mais se atualmente você faz parte do grupo de desempregados causados pela pandemia do coronavírus.

Aliás, um profissional Especialista em Experiência do Cliente, atualmente, ganha em média R$6.000,00. Claro, que dependendo do porte da empresa e no nível de profissionalismo e desempenhos os valores podem chegar a ser bem mais altos.

Como se tornar um Especialista em Experiência do Cliente?

Primeiramente, até hoje ainda não existe um curso de graduação específica para quem deseja atuar na área.

No entanto, grandes empresas estão dando preferência aos profissionais formados em marketing ou publicidade e propaganda.

3 – Professor EAD: uma das profissões do futuro que mais expandiu com o isolamento social causado pelo coronavírus

Nesse contexto, a função do professor EAD é auxiliar o aluno a solucionar dúvidas, correção de trabalho e tarefas, transmitir o conhecimento e acompanhar o desenvolvimento dos estudantes dentro do ambiente virtual.

PROFESSOR EM EAD
CONTINUAR

Como aproveitar essa profissão do futuro e se tornar um professor EAD?

Antes de mais nada, se você deseja ministrar aulas online, é preciso ter uma especialização e qualificação específica em determinada área. Além disso, o profissional tem que ter habilidade de relacionar-se com pessoas e clareza na comunicação.

4 – Gestor de Inovação

Primordialmente, o Gestor de Inovação tem a função de transformar tendências em métodos criativos. Afinal, a inovação corporativa tornou-se uma necessidade dentro das empresas, ainda mais no ambiente competitivo em que vivemos.

De fato, organizações que não se inovarem não vão conseguir manter-se de pé por muitos anos. Pois, a todo tempo somos bombardeados por novas descobertas.

O resultado é a necessidade de encontrar soluções tecnológicas e encantar cada vez mais os clientes.

Sendo assim, a Gestão de Inovação estabelece meios e métodos para gerar valor à empresa e concretizar ideias criativas dentro da organização.

Além de ser uma profissão promissora, o salário é bem vantajoso, a média de R$16.296,00, e pode chegar até R$20.073,00.

O que é necessário para se tornar um Gestor de Inovação?

Para tornar-se um profissional dessa área, é necessário ter um curso específico em Gestão de Negócios e Inovação.

Geralmente, dura em média 6 semestres e envolve na grade curricular às áreas de administração, contabilidade, finanças, marketing e logística.

5 – Médico Geneticista

De antemão, o Médico Geneticista é um profissional da saúde que atua no estudo dos genes. Assim como, trabalha com pesquisas e manipulação genética.

Nos últimos tempos, a tendência é a análise de fatores genéticos envolvidos em doenças e desenvolvimento de novos medicamentos que englobam a manipulação da ciência dos genes.

Aliás, o mercado de trabalho tem carência desses profissionais, já que são cerca de 3 mil doenças causadas por alterações genéticas. O médico também trabalha com anomalias raras que nem sempre são hereditárias.

Quando se aborda os termos de remuneração, a média salarial desse profissional está em torno de R$6.000,00 e o teto é de R$11.659,82, para médicos com registro em carteira. Os ganhos em uma clínica própria chegam ser bem altos.

Tenho interesse nessa profissão do futuro, como faço para me tornar um Médico Geneticista?

Antes de tudo, a porta de entrada para tornar-se um especialista nessa área é a faculdade de medicina. Em seguida, após a graduação é necessário fazer residência ou especialização na área de genética.

6 – Gerente de Talentos

A sexta profissão do futuro que já está em alta e ainda falta um curso específico para a regulamentação é o Gerente de Talentos.

Em suma, esse ramo, tem o objetivo de criar incentivos e estratégias tanto para atrair como para reter profissionais de talento.

Efetivamente, esse departamento vai bem além do Recursos Humanos. Pois, o Gerente de Talentos supervisiona a vida profissional do colaborador e demais tarefas administrativas.

Uma das funções é organizar e explorar o potencial máximo dos profissionais talentosos. Investindo nos pontos fortes de cada um individualmente e assim diminuir a rotatividade de funcionários.

Já a média salarial desse cargo é de R$8.792,00 e até hoje não é necessário uma formação específica. Contudo, a preferência geralmente são por profissionais formados na área de RH e Gestão de Pessoas.

7 – Especialista em E-commerce

Faça uma breve pesquisa na internet e veja quantas oportunidades aparecem por profissionais especializados em E-commerce.

Na verdade, o especialista é o responsável por conhecer o ciclo de compras na internet, analisar e elaborar estratégias para a melhoria e crescimento do negócio online.

Ademais, as principais funções desse profissional estão em analisar as estratégias de vendas, gerir catálogos, fazer análise de mercado e desenvolver estratégias de marketing de conteúdo.

Como ser um Especialista em E-commerce?

Antecipadamente, para se tornar um Especialista em E-commerce você não precisa ter uma formação acadêmica específica.

Porém, conhecimentos sobre marketing, comercio, logística, processos administrativos e serviços de atendimento ao consumidor são fundamentais.

8 – Engenheiro de Energia Renováveis

Por fim, mas não menos importante, uma das profissões do futuro com vasta tendência de crescimento é na área de engenharia de energia renováveis.

O profissional busca soluções para gerar e distribuir energia, preocupando-se sempre com o meio ambiente.

Com razão, o crescimento da população juntamente com a escassez de reservas naturais, ocasiona pela demanda por profissionais capacitados da área.

Logo, a finalidade da engenharia de energia renováveis é a criação de projetos para amenizar o avanço energético. Bem como, diminuir os impactos ambientais e criar novas maneiras de produção de energia.

Além disso, o profissional também executa planos de gestão de e coordena a implantação de usinas para planejar o consumo dos recursos energéticos.

O salário do Engenheiro de Energia Renováveis é um dos mais altos, a média é de R$14.467,45 e pode chegar a atingir a faixa de R$41.320,50.

Como ser um engenheiro de energia renováveis?

Gostou dessa profissão do futuro?

Resumidamente, para ser um engenheiro de energia renováveis é necessário cursar o bacharelado de engenharia de energia. A graduação dura em média 5 anos!

Ainda o profissional precisa ter boa habilidade de comunicação e trabalhar em equipe. Assim como ter o espírito empreendedor e comprometimento com o meio ambiente a sociedade.

Como iniciar e se adaptar às profissões do futuro?

Sabemos que com o avanço da tecnologia e mudanças na forma de consumo, muitas carreiras estão prestar a acabar.

No entanto, uma grande parcela ainda vai passar por um processo de evolução. Como é o caso por exemplo, de um gerente de loja quando comparado a um Especialista em E-commerce.

De fato, desde já é necessário estar preparado para tais mudanças e se qualificar com novas especializações do mercado. Como vimos, falta mão de obra qualificada e há uma grande procura por esses profissionais.

Portanto, esse é o momento ideal para aproveitar as oportunidades e investir em uma carreira inovadora. Sendo assim, mantenha-se informado e atento sobre cada novidade e tendência que surgem na tecnologia.

Afinal, elas são as responsáveis por criar novas necessidades do público, que por sua vez demandam de profissionais qualificados para solucioná-las.

Considerações finais sobre as profissões do futuro

Tecnologia é o futuro!

Em conclusão, se você deseja crescer no mercado de trabalho e ser bem remunerado, essas são as profissões do futuro mais promissoras.

Aliás, pode-se afirmar que todas são fruto da revolução tecnológica a qual estamos vivendo.

Logo, a tendência e o esperado para os próximos anos é a diminuição dos empregos tradicionais e o aumento de pessoas qualificadas que saibam operar sistemas, criar e inovar.

Gostou desse conteúdo? Então, responda o nosso Quiz para não perder nenhuma novidade com relação ao mercado de trabalho. Pois, assim você vai estar sempre alinhado comas principais tendências.